Alemanha faz 4 x 0 sobre Portugal no segundo jogo da Copa na Fonte Nova

16/06/2014 - 15:03
Com três gols assinalados, Müller comandou o time alemão. Cristiano Ronaldo não teve boa atuação

Em um dos confrontos mais esperados da primeira fase da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014, a Alemanha conseguiu golear Portugal na tarde desta segunda-feira (16.06), na Arena Fonte Nova, em Salvador. Esta foi a segunda partida da competição no estádio e, com os 5 x 1 impostos pela Holanda sobre a Espanha, a arena já presenciou dez gols em dois super clássicos europeus.

O domínio da Alemanha foi amplo durante toda a partida. O grande nome do jogo foi do polivalente Thomas Müller, que marcou três gols e assumiu a liderança da artilharia da Copa no Brasil. O outro gol alemão foi assinalado pelo zagueiro Mats Hummels. O melhor jogador do mundo da última temporada, o português Cristiano Ronaldo, não teve boa atuação.

Nas arquibancadas, as torcidas fizeram história. Os 51.081 presentes ficam marcados como o maior público da Arena Fonte Nova desde sua reinauguração. O número foi maior do que o duelo entre Espanha e Holanda, que registrou pouco mais de 48 mil pessoas.

Getty Images#

Primeiro tempo

O primeiro gol alemão saiu cedo: aos 10 minutos do primeiro tempo, o lateral-direito português João Pereira derrubou Götze dentro da área e o árbitro sérvio Mirolad Mazic marco pênalti. Os portugueses reclamaram muito da marcação. Müller cobrou forte, no canto direito de Rui Patrício, e abriu o placar.

Portugal teve uma baixa importante aos 27 minutos. O atacante Hugo Almeida sentiu a coxa e deixou o campo para a entrada de Éder. Pouco depois, em cobrança de escanteio, o zagueiro alemão Mats Hummels fez o segundo gol de cabeça.

O drama português aumentou ainda mais aos 36, quando o zagueiro Pepe (nascido em Alagoas, mas naturalizado português) acertou o rosto de Müller em uma dividida e, logo em seguida, deu uma cabeçada no atacante alemão enquanto ele ainda estava sentado. Pepe levou o cartão vermelho e deixou Portugal com dez jogadores em campo.

Antes da parada para o intervalo, Müller marcou mais uma vez. Kroos cruzou para a área, o português Bruno Alves tentou cortar, mas Müller interceptou e chutou forte. Rui Patrício ainda tentou defender com o pé, mas a bola entrou.

Segundo tempo

Com um jogador a menos, Portugal pouco conseguiu fazer na segunda etapa. Fábio Coentrão também se machucou e deu lugar a André Almeida, aos 19 minutos.

Thomas Müller marcou seu terceiro gol no jogo aos 32 minutos. Schürrle entrou na área pela direita e cruzou para a pequena área. O goleiro português cortou parcialmente e deixou a bola nos pés do alemão, que chegou ao seu oitavo gol em Copas do Mundo. Ele havia marcado cinco vezes na edição de 2010, na África do Sul.

Alemanha x Portugal - Fonte Nova

Alemanha x Portugal - Fonte Nova - Jogo

Principal atração da partida desta segunda-feira, Cristiano Ronaldo teve atuação discreta. Muito aplaudido até quando entrou em campo para se aquecer, o português reclamou bastante com seus companheiros e, quando teve a bola nos pés, pouco fez. A melhor chance veio em uma cobrança de falta, quando o placar já marcava 4 x 0 para a Alemanha.

O jogo foi agradável no primeiro tempo. Apesar da superioridade alemã ser clara, Portugal conseguiu criar algumas boas oportunidades e chegou a assustar o goleiro Neuer. Mas a eficiência dos alemães foi implacável. Quando chegaram ao gol, aproveitaram as oportunidades criadas.

Os portugueses até tentavam reagir, mas a expulsão do zagueiro Pepe, com o jogo em 2 x 0 para a Alemanha, acabou com qualquer esperança portuguesa. A segunda etapa foi tão morna que os torcedores chegaram a vaiar o toque de bola da Alemanha, em total ritmo de treino. Cristiano Ronaldo se mostrou abatido em campo, resignado com a derrota, assustando apenas em raros lances de bola parada.

Em grande número no estádio, a torcida alemã, toda vestida de branco, fez uma bonita festa na Fonte Nova. Ao fim da partida, os jogadores foram até o local de maior concentração agradecer o apoio.

Nos bastidores, o destaque ficou por conta da presença de autoridades no estádio. A chanceler alemã Angela Merkel assistiu à goleada de seu país ao vivo. Depois do jogo, foi inclusive falar com os atletas. “Ela veio até o vestiário e fez um bonito discurso para a seleção. Disse que a longa viagem compensou pelo resultado. Eles tiraram algumas fotos e agradeceram”, contou o técnico Joachim Löw.

Além de Merkel, a Arena Fonte Nova teve também a presença do ministro do Esporte Aldo Rebelo, do presidente da FIFA Joseph Blatter, do ex-jogador francês Michel Platini, presidente da UEFA.

Alemanha e Portugal voltam a jogar pela Copa do Mundo no fim de semana. No sábado (21.06), os alemães enfrentam a seleção de Gana, às 16h, na Arena Castelão, em Fortaleza. Já os portugueses tentam se recuperar no domingo (22.06), às 18h, em Manaus, contra os Estados Unidos.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Estudo revela que a ocupação hoteleira na cidade bateu recordes, chegando a 72,26% no período do Mundial
+
Cidade hospedou campeões mundiais durante a Copa do Mundo e recebeu legados como Centro de Treinamento e promoção da imagem local
+
Tour 100% apresenta os bastidores do equipamento multiuso aos visitantes
+
Tetracampeonato na Copa do Mundo de 2014 garantiu o primeiro lugar da lista para os germânicos pela primeira vez em 20 anos
+