Apex-Brasil prevê movimentação de US$ 3 bilhões em negócios de empresas brasileiras durante a Copa

15/05/2014 - 20:18
A Apex pretende organizar 840 encontros de negócios durante o Mundial

Foto: Ivo Lima/Ministério do Esporte#O presidente da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Maurício Borges, o diretor de Negócios, Ricardo Santana e o supervisor Jacy Braga  foram recebidos pelo ministro do Esporte, Aldo Rebelo, nesta quinta-feira (15.05), e fizeram um relato das possibilidades de negócios abertas às empresas brasileiras durante a Copa FIFA 2014. Os dirigentes da agência informaram que a expectativa é de uma movimentação superior a US$ 3 bilhões. Na Copa das Confederações, empresas brasileiras fizeram negócios no valor total de mais de US$ 1 bilhão.

A Apex-Brasil pretende organizar 840 encontros de negócios e já existem articulações adiantadas para trazer ao Brasil compradores e investidores estrangeiros de mais de cem países. Em seis arenas, a Apex-Brasil terá espaços para receber os empresários estrangeiros e brasileiros: Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza e Belo Horizonte. Já foi acertado que uma empresa do setor de máquinas agrícolas vai trazer potenciais parceiros do Sudão, país que é uma nova fronteira agrícola mundial, e espera fechar negócios da ordem de US$ 2 milhões.  Um grupo da área de alimentos vai trazer 52 convidados de 13 países para negociações.

O ministro do Esporte pediu a colaboração dos dirigentes da Apex-Brasil para a adoção de medidas que valorizem as marcas dos clubes de futebol e as competições nacionais no exterior. "Somos protagonistas dentro dos campos mas pouco valorizados fora. Precisamos vender nossas marcas no exterior. Valorizar os clubes, ver nossas competições transmitidas para outros países, como fazem muitos países", disse o ministro.

» Conheça mais sobre as ações da Apex-Brasil na Copa

Fonte: Ministério do Esporte

Notícias Relacionadas

Visitantes gastaram US$ 6,9 bilhões no país. O resultado teve forte influência da Copa do Mundo
+
Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Evento “Copa 2014: legados para o Brasil” mostra resultados econômicos, culturais e de infraestrutura
+
Os legados esportivos, econômicos, de infraestrutura, de imagem e promoção do Brasil, dentre outros, serão abordados nos dois dias de palestras
+