Arquitetura de BH é destaque no último vídeo da série Minas na Copa

13/06/2014 - 19:50
Praça da Liberdade e o Complexo da Pampulha são alguns dos destaques da cidade, em sua diversidade arquitetônica que vai do Art Decó ao modernismo

A série de reportagens Minas na Copa apresentou o seu último vídeo, com destaque para a essência da arquitetura de Belo Horizonte. Nesta reportagem de desfecho, entram em campo os detalhes da diversidade arquitetônica da capital mineira, um diferencial para que os turistas e delegações, presentes em solo mineiro para acompanhar a Copa do Mundo, desfrutem da história e das riquezas culturais de Minas Gerais.

A Praça da Liberdade, concebida para ser o centro do poder executivo de Minas Gerais, em 1895, é um desses atrativos. Ela foi construída, originalmente, para abrigar os prédios do Palácio do Governo e secretarias do Estado, em estilo eclético, com influência  neoclássica.  Ao longo da história, a Praça incorporou novos edifícios com estilos arquitetônicos variados, como o Edifício Niemeyer e a Biblioteca Pública, em estilo moderno, o Palácio Cristo Rei em estilo Art Decó e o pós-moderno Rainha da Sucata. Hoje, é um dos cartões postais da cidade e reúne um precioso acervo histórico e cultural de Minas Gerais.

Os exemplos continuam por toda a cidade. Considerado símbolo da ousadia na arquitetura belo-horizontina, por causa das efígies de índios na fachada, o edifício Acaiaca, na região central da capital, por exemplo, foi inaugurado em 1947 e possui estilo art-déco. Já o Complexo da Pampulha foi construído pelo ex-prefeito Juscelino Kubitschek, a partir dos anos 40. Para a construção, o ex-prefeito contou com a ajuda do arquiteto Oscar Niemeyer, do paisagista Burle Marx e do pintor Candido Portinari.

Outro ponto de destaque em Belo Horizonte é a Pampulha. A região é símbolo da história de Minas e do Movimento Moderno Brasileiro. Lá, os turistas podem encontrar monumentos como o Iate Clube (1944), o Cassino (1943), a Casa do Baile (1943) e a Igreja São Francisco de Assis (1945).

Os vídeos da série Minas na Copa foram produzidos pela Superintendência Central de Imprensa do Governo de Minas Gerais. A série começou com um vídeo sobre o Mineirão, o palco de Minas na Copa. No segundo episódio, o Mercado Central de Belo Horizonte foi o tema, e a gastronomia foi retratada no terceiro. O quarto vídeo mostrou o Circuito Cultural Praça da Liberdade e o quinto, os "barzinhos" da capital. No sexto, o tema foi o artesanato mineiro e, no sétimo, as cidades históricas mineiras.

Fonte: Agência Minas

Notícias Relacionadas

Aeroportos, segurança pública e atrativos turísticos têm mais de 80% de aprovação entre os profissionais de imprensa
+
Ao todo, 1,6 milhão de passageiros passaram pelos terminais entre 10/6 e 13/7. A cada 10 passageiros que desembarcaram no país, um passou pela capital
+
Principais emissores de turistas foram Argentina, Chile, Colômbia e Estados Unidos
+