Cerimônia de encerramento terá atrações como Shakira, Santana e Ivete Sangalo

12/07/2014 - 14:47
Apresentações contarão ainda com Carlinhos Brown, Alexandre Pires, Wyclef Jean e escola de samba Acadêmicos do Grande Rio. Festa terá início às 14h20 deste domingo

Antes de alemães e argentinos pisarem o gramado do Maracanã neste domingo (13.07) para decidirem o título da Copa do Mundo de 2014, um time com três brasileiros, uma colombiana, um mexicano e um haitiano promete animar a torcida na cerimônia de encerramento. Os cantores Ivete Sangalo, Carlinhos Brown, Alexandre Pires e Shakira, o guitarrista Carlos Santana e o rapper Wyclef Jean subirão ao palco para um show de 18 minutos de duração, que terá início às 14h20.

A cantora baiana Ivete Sangalo, que apresentará uma mistura de músicas brasileiras ao lado de Alexandre Pires, destacou a hospitalidade do povo brasileiro. “É um prazer estar nesse time vencedor, desfrutando da música, da união pela alegria e paz. Estou honrada de cantar na final e no meu país. No decorrer dos anos vamos entender quantas coisas boas serão proporcionadas para a gente. Demos um grande exemplo como anfitriões”, disse, para acrescentar que a Copa do Mundo fez crescer o amor das pessoas pelo país.

“Eu acho que o Brasil não volta ao normal na segunda-feira. O Brasil continua sendo o Brasil e espero que se transforme sempre. Como legado físico da Copa, espero que possamos usufruir ao máximo e da melhor maneira em prol da nossa sociedade. E a Copa acendeu esse sentimento de amor pelo nosso país, pelo nosso lugar. A transformação vem disso. Quando você percebe o quão importante é o lugar em que você vive”, afirmou.

» Alemanha e Argentina se enfrentam no Maracanã para decidir quem é o campeão da Copa do Mundo de 2014

» Confira as melhores opções para chegar ao Maracanã

» Vai assistir aos jogos da Copa no estádio? Saiba quais objetos você não pode levar às arenas

» Final deve ter fluxo recorde de aviões no Aeroporto do Galeão

» Voluntários do Rio dão dicas aos torcedores que irão assistir à final da Copa

Foto: Agência Brasil#Shakira, Wyclef Jean, Carlinhos Brown, Ivete Sangalo, Santana e Alexandre Pires: time de artistas perfilado

A colombiana Shakira cantará ao lado de Carlinhos Brown a música “Dare”. Esta será a terceira participação dela em Copas do Mundo, evento que faz parte de vários momentos importantes da vida da artista. “O futebol mudou a minha vida de formas muito diferentes. Nunca irei esquecer que em 2010 encontrei o amor da minha vida. Estar aqui tem um significado enorme. Levamos esperanças e patriotismo, que se intensificam, assim como as sensações mais sublimes e nobres se despertam com o futebol”, exaltou, fazendo referência ao marido e jogador da seleção da Espanha Gerárd Piqué.

Para ela, o Brasil foi muito importante em sua carreira e por ter muitos fãs brasileiros, considera o país a sua segunda casa. “O Brasil é diferente da África do Sul, mas os dois países tem raízes parecidas. O Brasil é um país querido. Eu amo esse país com paixão. Desde o começo da minha carreira os brasileiros foram os que mais me apoiaram. Eu aprendi português antes de aprender inglês. Tenho tantos amigos queridos aqui, então essa é a minha segunda casa. Estou animada e ansiosa pela apresentação de amanhã”.

Sentimentos

A cerimônia de encerramento terá como conceito a celebração do futebol e de valores relacionados ao esporte, como liberdade, solidariedade, paixão e diversidade. O músico Carlinhos Brown disse que a Copa do Mundo serviu para aflorar vários sentimentos nas pessoas em torno da união e da recepção promovida pelos brasileiros. “O Brasil recebe e alerta para o mundo, que todos aqui são bem vindos. Todos saem daqui conhecendo um pouco mais da nossa cultura e do nosso acolhimento. O Brasil descobriu com a Copa a explosão de amor que estava escondido. Nossa música propõe isso, o Brasil e o mundo sem fronteiras para o amor”.

Por fim, Carlos Santana e Wyclef Jean serão os responsáveis por tocar e cantar o hino oficial da Copa “We will find a way”. O guitarrista mexicano descreveu a emoção que quis transmitir com a melodia da música. “A melodia é uma ressonância, uma vibração sonora que faz cada ser humano lembrar que tem uma música esquecida dentro de si. A melodia lembra que somos pessoas de luz. Essa celebração global, usando esse evento de futebol, para trazer luz e amor é o que queremos. É o mesmo que queria Lennon, Bob Marley, Michael Jackson, mudar o mundo pela paz”, declarou Santana.

Na cerimônia, as 32 equipes participantes do Mundial serão representadas, com destaque para os finalistas Alemanha e Argentina. Também haverá uma apresentação da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio.

Gabriel Fialho - Portal da Copa

Notícias Relacionadas

No confronto entre Brasil x Colômbia, pelas quartas de final, a lotação hoteleira de Fortaleza alcançou 97%
+
Terminais que tiveram obras entregues foram os melhores avaliados em levantamento realizado entre abril e junho
+
Ações do Mundial foram apresentadas a gestores públicos em encontro no Palácio do Planalto. Pronatec Turismo registrou mais de 166 mil matriculados até o início do torneio
+
Arena é a sétima construída para a Copa do Mundo a ter selo que atesta adoção de medidas sustentáveis na edificação. Capital gaúcha passa a ter dois palcos com registro do Green Building Council
+