Com execução de acabamentos, obra da Arena da Amazônia está 93,31% finalizada

16/12/2013 - 21:00
Os cerca de 2 mil operários passaram por revisão dos procedimentos de segurança nesta segunda-feira e depois seguiram para os trabalhos em solo

Fotos: Roberto Carlos/Agecom#Nesta segunda-feira (16.12), as obras da Arena da Amazônia, em Manaus, seguiram com a execução dos acabamentos nas áreas interna e externa. Não houve paralisação das atividades. Apenas os serviços em altura, que envolvem o trabalho na cobertura do estádio, em andaimes e guindastes, seguem paralisados conforme determinação da Justiça do Trabalho do Amazonas, atendendo ao pedido do Ministério Público do Trabalho (MPT), após a morte de um operário no último sábado (14.12). A construção da arena atingiu na última semana 93,31% de execução.

Em nota divulgada à imprensa, a construtora Andrade Gutierrez afirma que cumpre todas as exigências de segurança do trabalho e que a família do operário Marcleudo de Melo Ferreira, que faleceu após cair da cobertura na madrugada de sábado, está recebendo toda a assistência da empresa em que trabalhava.

Ao Governo do Amazonas, a construtora Andrade Gutierrez reafirmou seu compromisso com o cumprimento da jornada de trabalho dos operários conforme acordos com o MPT e o Sindicato da Construção Pesada do Estado do Amazonas.

O coordenador da Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP COPA), Miguel Capobiango Neto, disse que o impacto no cronograma da paralisação dos trabalhos em altura só poderá ser medido após a regularização das atividades em todas as frentes de serviço. “Hoje não houve nenhuma paralisação dos operários na Arena. No começo do dia, todos passaram por palestras e revisão dos procedimentos de segurança e depois seguiram para executar os trabalhos de solo, que estão autorizados pela Justiça”, afirmou o coordenador. Atualmente, pouco mais de 2 mil trabalhadores atuam na construção da Arena.

Na tarde desta segunda-feira, os operários deram prosseguimento aos serviços de calçamento e paisagismo na área externa do estádio, além da continuidade na colocação dos assentos e serviços de acabamento e limpeza nas arquibancadas.

Também continuam sendo realizados os serviços no entorno do campo de jogo, com a colocação da grama artificial no local onde ficarão os bancos de reserva e área de aquecimento, além da instalação dos vidros de isolamento entre a área das arquibancadas inferiores e os camarotes do nível 0. Os serviços de limpeza continuam sendo feitos em todo o estádio.

Fonte: Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP Copa) - Manaus

Notícias Relacionadas

Jogos na Arena da Amazônia foram vistos por mais de 240 milhões de pessoas
+
Espaços oferecem entretenimento, local para descanso, informações turísticas, internet wifi e outras comodidades para os viajantes. No Santos Dumont, 26,8 mil pessoas aproveitaram a estrutura oferecida
+
Pico de participação do público foi registrado no dia da partida entre Brasil 0 x 0 México, em 17 de junho, quando 438 mil torcedores compareceram aos locais de transmissão dos jogos
+
Iniciativa da FIFA, com apoio do governo federal, levou atividades físicas e noções de saúde para alunos de escolas públicas
+