Escolas municipais de Natal participam do Programa FIFA 11

28/05/2014 - 21:56
Educadores físicos passam por capacitação
Uma parceria entre a FIFA, os ministérios do Esporte, da Educação e da Saúde, e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) trouxe para todas as cidades-sede da Copa do Mundo 2014, o Programa FIFA 11 pela Saúde. As ações são direcionadas para o trabalho de conscientização cidadã com crianças entre 10 e 12 anos de idade,  que estão matriculadas em escolas da rede pública de cada cidade. O objetivo é encorajar a atividade física e promover hábitos saudáveis entre as crianças, a fim de prevenir ou minimizar fatores de risco de doenças.
 
Em Natal, o projeto está sendo colocado em prática em nove escolas da rede municipal de ensino, envolvendo 30 crianças em cada uma. Na primeira fase do projeto, foram realizadas capacitações com 24 educadores físicos para que a metodologia de trabalho fosse aplicada. Logo após, os responsáveis pelas escolas iniciaram as atividades semanais, sempre com a duração de 90 minutos, como em uma partida de futebol.
 
A dinâmica prevê 11 sessões, quando o professor reúne seus alunos e no primeiro tempo fala sobre o tema que será abordado, fornece informações e estatísticas. No segundo tempo, começa a atividade prática, sempre tendo como base um fundamento do futebol, como passe, drible, entre outros. Cada uma das etapas tem um nome, sendo a etapa inicial conhecida como Jogue Futebol e a seguinte como Jogue Limpo.
 
O projeto foi promovido durante a Copa do Mundo da FIFA 2010, na África do Sul. Depois, o programa foi levado a outros países africanos, como Zimbábue, Quênia, Namíbia, Zâmbia e Gana, e a seguir a outros continentes, alcançando um total de 19 nações. Em Natal, participam do Programa FIFA 11 pela Saúde as escolas municipais: Prefeito Mário Lira, Professor Antônio Severiano, Santos Reis, Monsenhor Joaquim Honório, João XXIII, Professor Zuza, Ascendino de Almeida, Luiz Maranhão e Amadeu Araújo.

Fonte: Prefeitura de Natal

Notícias Relacionadas

Estádio de Natal é o nono dos utilizados durante a Copa a obter o selo
+
Mais de dois mil itens, entre televisores, computadores e telefones celulares, serão entregues a 64 escolas das doze sedes, além de 26 organizações não-governamentais
+
No período do Mundial, a capital federal recebeu 633 mil visitantes, sendo 488.903 brasileiros e 143.743 estrangeiros. Números superaram as estimativas iniciais
+