Fan Fest de Salvador leva mais de 20 mil pessoas ao Farol da Barra

17/06/2014 - 23:35
Segundo jogo do Brasil na Copa do Mundo reuniu o maior público do local até então. Torcida também se reuniu em peso no Pelourinho

Fotos: Mellyna Reis/Portal da Copa#Mais de 20 mil pessoas lotaram a Fan Fest no Farol da Barra, em Salvador, para assistir Brasil e México nesta terça-feira (17.06), pela Copa do Mundo da FIFA 2014. O empate sem gols entre Brasil e México no Castelão, em Fortaleza, atraiu o maior público dos quatro dias de festa já realizados na capital baiana. 

Além do jogo, sete atrações se apresentaram na Fan Fest de Salvador. Destaque para a cantora Jú Moraes, que comandou um minitrio elétrico, levando o ritmo do famoso carnaval da Bahia. Também subiram ao palco a banda Bereguedê, Folia Mamulengo, Cia de Dança Kika Tocchetto, Fanfarra Chuva de Prata, Didá e Filhos do Congo.

Os shows começaram às 11h, mas o fluxo de pessoas foi maior à tarde, pouco antes do jogo da Seleção Brasileira. Uma longa fila foi formada para acessar o espaço, mas não houve demora porque o controle na entrada foi liberado. “Eu saí do trabalho e vim pra cá. Está bem tranquilo”, comentou a vendedora Isabelle Félix.

Os mexicanos também marcaram presença. Recém-chegada a Salvador, a universitária Gabriela Gutierrez aproveitou mais o clima da Copa com as amigas do que o próprio jogo. “Muito bom, tudo é festa”, comentou a turista, que vai ao Recife assistir à última partida do México na primeira fase, contra a Croácia, na Arena Pernambuco, em 23 de junho.

Diante das belas defesas do goleiro mexicano Guillermo Ochoa, o público do Farol da Barra viveu momentos de apreensão. Enrolada com a bandeira do Brasil, a gaúcha Miriam Lauer não saiu de perto do telão até o apito final. “Eu fiz a minha mandinga para não entrar a bola do México de jeito nenhum”, brincou.  

Apesar do resultado, a festa continuou com o show do bloco Comanches. Os mexicanos ficaram muito animados com o empate e apostam na classificação do país em segundo lugar, atrás do Brasil. “Um empate com o Brasil, uma grande equipe, me deixa satisfeito”, comemorou o estudante de Direito Jonatan Martinez, que espera um duelo com a Holanda ou Chile caso o país se classifique. 

A próxima edição da Fan Fest no Farol da Barra será na sexta-feira (20.06), quando a França joga com a Suíça, às 16h, na Arena Fonte Nova.

Pelourinho lotado

O Farol da Barra não foi o único cartão postal de Salvador que recebeu a torcida brasileira nesta terça. No Pelourinho, o verde e o amarelo dos brasileiros se juntou ao batuque do Olodum para mais uma bonita festa nas ruas estreitas e completamente decoradas.

Com as ladeiras lotadas de brasileiros e estrangeiros – muitos vestindo a camisa da Seleção Brasileira –, os torcedores se apertaram em volta de telões e até mesmo de pequenas televisões para assistir ao jogo contra os mexicanos.

Durante a partida, os tambores pararam de tocar e deram lugar ao sofrimento dos brasileiros. Cada defesa do goleiro Ochoa, do México, aumentava a tensão pelo gol que teimava em sair. Até mesmo os comerciantes esqueceram um pouco de seus negócios para espiar a partida. “Tá lotado aqui, né?”, observou um ambulante, largando os pequenos tambores que vendia para conferir o que rolava no campo.

No fim, o empate sem gols desanimou um pouco os espectadores no Pelourinho. Mas assim que o jogo acabou, o batuque voltou e a animação também, assegurando mais boas horas de festa.

Foto: Vagner Vargas/Portal da Copa#

Mellyna Reis, do Portal da Copa em Salvador (BA)

Notícias Relacionadas

No período do Mundial, a capital federal recebeu 633 mil visitantes, sendo 488.903 brasileiros e 143.743 estrangeiros. Números superaram as estimativas iniciais
+
Estudo revela que a ocupação hoteleira na cidade bateu recordes, chegando a 72,26% no período do Mundial
+
Tour 100% apresenta os bastidores do equipamento multiuso aos visitantes
+
Produto deve ser remodelado e seguir atendendo a turistas e baianos
+