Feliz após momento especial, Messi admite que a Argentina pode melhorar

21/06/2014 - 17:48
Camisa 10 da seleção portenha garantiu a vitória sobre o Irã, no Mineirão, com um gol aos 46 minutos do segundo tempo e foi eleito o melhor jogador da partida

Getty Images#Até os 46 minutos do segundo tempo da partida entre Argentina e Irã, neste sábado, no Mineirão, o nome do melhor jogador em campo poderia gerar discussão. Seria Sergio Romero, o goleiro argentino que com boas defesas evitara o gol do Irã? Ou talvez o iraniano Shoajei, que chegou a dar um lençol em Di María? Mas quando o 0 x 0 já parecia sacramentado e a torcida argentina se calava de aflição em Belo Horizonte, Lionel Messi, até então apagado em campo, pegou uma bola pela direita, cortou para dentro e bateu no canto do gol de Haghighi: 1 x 0.

As dúvidas então se dissiparam. Enlouquecidos, os argentinos fizeram uma festa impressionante no Mineirão e o melhor jogador da partida passou a ser unanimidade. “No momento em que peguei a bola, vários jogadores estavam marcando, mas tentei de tudo para conseguir o gol que nos deu a classificação. Foi difícil, eles fecharam bem o espaço. Quando a bola entrou, fiquei muito feliz, pela classificação que veio no último minuto, pelo grito e pela festa da torcida. Foi um momento muito especial”, disse o camisa 10 da Argentina.

Com o gol, Messi já soma dois tentos na Copa do Mundo de 2014. Ele também marcou o gol da vitória diante da Bósnia, na estreia dos argentinos. Os seis pontos somados garantiram a classificação antecipada dos Hermanos para as oitavas de final. A Argentina ainda enfrenta a Nigéria pelo Grupo F, em partida marcada para a próxima quarta-feira (25.06), no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Mesmo feliz pelo gol e pelo resultado, Messi ponderou que a partida foi muito complicada e que a Argentina precisa melhorar. “Eles se colocaram atrás e foi difícil para encontrar espaços. Também sofremos muito com o calor. Criamos algumas chances de gol no primeiro tempo, mas não soubemos aproveitar. Eles melhoraram no segundo tempo e criaram as chances deles. Por sorte ganhamos no final e conseguimos a classificação, que era o que buscávamos. Podemos melhorar e alcançar o nosso potencial. Sabemos que não estamos jogando bem. Vamos continuar trabalhando para melhorar”, garantiu.

Messi destacou que a vitória, embora no sufoco, dá tranquilidade para a Argentina. “É sempre importante ganhar. Agora estamos mais confiantes, com paz de espírito. Se não tivéssemos vencido, se o jogo ficasse no 0 x 0, nos complicaria muito. Seria muito mais difícil contra a Nigéria”, opinou o jogador que foi eleito como o melhor do mundo por quatro vezes seguidas, entre 2009 e 2012.

Mateus Baeta, Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Brasil e Argentina se enfrentarão no Estádio Ninho do Pássaro, na capital chinesa
+
Polícia Rodoviária Federal decidiu reforçar a vigilância em rodovias de acesso ao estado do Rio Grande do Sul usadas por torcedores do país
+
Centro Integrado de Comando e Controle regional realizou 1,1 monitoramentos diários e acompanhou 300 atividades essenciais durante os 31 dias do Mundial na capital mineira
+
Estimativa é que o volume recolhido aumente a renda de catadores em cerca de 100%. Legado de inclusão social e conscientização ambiental também é destacado
+