Governo, FIFA e COL destacam transformação de Cuiabá com a Copa

29/08/2012 - 15:24
Comitiva ressaltou o legado de infraestrutura que ficará em Mato Grosso. Antes da visita à Arena Pantanal, dirigentes premiaram crianças que se destacaram em concurso de desenhos sobre o Mundial e a cultura regional

Fotos: Glauber Queiroz/ME#Comitiva na Arena Pantanal: quatro jogos do Mundial serão em Cuiabá

Da Amazônia para a porta de entrada do Pantanal. Depois de visita a Manaus nesta terça-feira (28.08), o secretário geral da FIFA, Jérôme Valcke, o secretário executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes, e o membro do Conselho Administrativo do Comitê Organizador Local (COL), o ex-jogador Ronaldo, visitaram a Arena Pantanal, em Cuiabá, na manhã desta quarta-feira (29.08). Com eles, o prefeito da cidade, Francisco Galindo Filho, o governador de Mato Grosso, Silval Barbosa, e o secretário estadual para a Copa, Maurício Guimarães.

O futuro estádio e o conjunto de obras em andamento na cidade foram destacados pela comitiva. Seis intervenções estão previstas na Matriz de Responsabilidades: além da obra na Arena, três de mobilidade urbana – incluindo o VLT – e duas no Aeroporto Marechal Rondon. Uma delas, o Módulo Operacional, já entregue. Segundo o governador Silval Barbosa, outras 48 ações de infraestrutura estão em andamento na região metropolitana. 

» Dois consórcios apresentam propostas para reforma e ampliação do Aeroporto de Cuiabá
» Maquete eletrônica mostra detalhes da reforma prevista no Aeroporto de Cuiabá

“É incrível a quantidade de projetos que vão transformar a cidade e o estádio depois da Copa. No fundo, a Copa é isso: trata-se de organizar o evento e mudar o rosto de uma cidade. Cuiabá vai impressionar o mundo em 2014”, disse o secretário geral da FIFA, Jérôme Valcke. ""É de tirar o chapéu para Cuiabá! Lindo cenário e ótimo projeto", acrescentou, instantes mais tarde, via Twitter. 

Luis Fernandes afirmou que a Copa é uma oportunidade para promover o desenvolvimento regional. “Cuiabá está indo além da Matriz de Responsabilidades, aproveitando o que o Mundial representa. Teremos uma Cuiabá pós-Copa totalmente diferente, não só pelo evento, mas pelo que soube investir em infraestrutura e na valorização da cultura local”.

#Tietagem com Ronaldo depois de apresentação de Siriri e Cururu, manifestações culturais da região

Siriri
Na entrada do futuro estádio, a comitiva foi recebida com uma apresentação de siriri e cururu, manifestações culturais típicas da região pantaneira. Durante a visita, os operários trocaram as ferramentas de trabalho pelas câmeras fotográficas e não perderam a oportunidade de pegar autógrafos do maior artilheiro de todas as Copas.

Sobre o futebol local, Ronaldo disse que o município e o estado devem aproveitar a Copa e a construção da nova arena para estimular os times da região. “Eles têm que almejar as séries B e A e lutar por isso”. Ronaldo acrescentou que o futebol brasileiro depois da Copa será outro, principalmente pela qualidade dos gramados, tema a que o ex-artilheiro diz estar atento em todas as obras de estádio. E fez um convite aos mato-grossenses: “sejam voluntários da Copa, participem deste momento especial”.

Estádio
A Arena Pantanal será palco de quatro jogos da primeira fase da Copa do Mundo FIFA 2014. Atualmente, as obras estão 47% concluídas e a previsão de término é julho de 2013, segundo informações da Secopa de Mato Grosso. O investimento é de R$ 518,9 milhões, sendo R$ 285 milhões financiados pelo BNDES.

Com capacidade para 43 mil pessoas, o projeto conta com arquibancadas móveis para 18 mil torcedores, de acordo com informações do Balanço da Copa do governo federal.  O entorno do estádio, área com mais de 300 mil m2, terá passarelas, praça com áreas de lazer, pista de caminhadas, atividades esportivas, espelho d'água, lanchonetes e restaurante.

#Alunos receberam prêmios por desenhos relacionados ao Mundial. Valcke prometeu ingressos para a Copa

Pintando a Copa
Antes da visita à Arena, a comitiva esteve no Palácio Paiaguás, sede do governo do Mato Grosso, onde participou da cerimônia de premiação do concurso “Pintando a Copa”. Crianças do ensino fundamental das escolas públicas de Cuiabá e Várzea Grande produziram desenhos e pinturas relacionados ao mundial e aos atrativos da cultura local que os turistas poderão conhecer.

“É um grande investimento no orgulho nacional e regional. Este concurso é uma aula de patriotismo”, afirmou o secretário executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes. Mais de 40 mil desenhos foram feitos para as três categorias do concurso e mil foram finalistas. Para cada município, os três primeiros lugares de cada categoria foram premiados, totalizando 18 crianças.

Além de notebooks (1º lugar), TVs de LCD (2º lugar) e máquinas fotográficas digitais (3º lugar), Valcke informou que elas também vão receber ingressos para um jogo da Copa do Mundo na Arena Pantanal. "Vamos convidar os 18 jovens artistas laureados a um dos jogos da Copa do Mundo da FIFA aqui em Cuiabá, com o acompanhante que quiserem. Faremos com que eles vivam um dia inesquecível, começando na manhã do dia de jogo, visitando o estádio, e assistindo ao jogo da arquibancada até o apito final", afirmou Valcke. “Vai ser uma emoção muito grande. Eu nunca fui a um estádio e a primeira vez será logo na Copa. Vai ser lindo”, disse Miena Martins, 9 anos, 2º lugar na categoria II de Várzea Grande.

De Cuiabá, a comitiva seguiu para o Rio de Janeiro, onde participa de reunião do Comitê Organizador Local nesta quinta-feira (30.08)

Carol Delmazo - Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Evento “Copa 2014: legados para o Brasil” mostra resultados econômicos, culturais e de infraestrutura
+
Os legados esportivos, econômicos, de infraestrutura, de imagem e promoção do Brasil, dentre outros, serão abordados nos dois dias de palestras
+