Messi faz dois gols e Argentina vence Nigéria, que também avança

25/06/2014 - 15:36
Torcida sul-americana tomou Beira Rio na vitória por 3 x 2 sobre os nigerianos

Os primeiros minutos de Nigéria e Argentina mostraram como os 90 minutos seguintes iam ser. Muitos gols, ataques rápidos e uma torcida apaixonada e apaixonante com 43.285 aficionados nas arquibancadas do estádio Beira Rio. A vitória dos sul-americanos, em Porto Alegre, na tarde desta quarta-feira (25.06), contou com dois gols de Messi e um de Rojo, pelos hermanos, e outros dois de Musa, pelos africanos.

Nigéria x Argentina - Beira-Rio - Jogo

Nigéria x Argentina - Beira-Rio - Jogo

Com o resultado, a Argentina passa para as oitavas de final com nove pontos, liderando o Grupo F, e espera a definição do Grupo E (com França, Suíça, Equador e Honduras) para saber quem enfrenta na próxima fase. Os nigerianos, mesmo com a derrota em Porto Alegre, avançam na competição, já que o Irã, único que poderia alcançar os africanos, perdeu por 3 x 1 para Bósnia na Arena Fonte Nova.

Lá e cá

Mal a bola rolou, Messi, que seria escolhido o melhor em campo, achou o caminho no estádio do Internacional. Logo aos dois minutos, Mascherano lançou Di Maria, que acertou a trave com força. A bola voltou na nuca do goleiro Enyeama e foi ao poste novamente. Depois do bate e rebate, o camisa 10 argentino emendou forte para dentro do gol: 1 x 0. Mas a Nigéria não se intimidou. Babatunde passou para Musa, pela esquerda, e o meia bateu cruzado, fora do alcance de Romero: 1 x 1.

» "Messi é de Júpiter", diz técnico da Nigéria

» Bósnia faz 3 x 1 no Irã e as duas seleções saem eliminadas da Copa

Com lances de perigos dos dois lados e um jogo aberto durante todo o primeiro tempo, a igualdade caiu já nos acréscimos da etapa inicial. Aos 44, Messi sofreu falta próximo a área, e, aos 46, deixou o goleiro nigeriano sem reação ao cobrar com categoria: 2 x 1.  Mas foi só a bola voltar a rolar, no segundo tempo, que a Nigéria chegou ao empate. Aos dois minutos de jogo,  Musa tabelou com Emenike e saiu na frente de Romero: bola no canto e 2 x 2 no placar.

Mais uma vez, a resposta em forma de gol veio rápida. Lavezzi cobrou o escanteio para Rojo, de joelho, meio sem jeito, empurrar para dentro. Aos 18 minutos, o craque argentino, que igualou Neymar e Benzema na artilharia, com quatro tentos, foi substituído pelo meia Ricky Álvarez. A Nigéria também mexeu, colocando mais dois atacantes em campo (Uchebo, aos 20, e Uche Nwofor, aos 35), mas a partida já tinha números finais.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Arena é a sétima construída para a Copa do Mundo a ter selo que atesta adoção de medidas sustentáveis na edificação. Capital gaúcha passa a ter dois palcos com registro do Green Building Council
+
Foi movimentado mais de um bilhão de reais na economia do estado, que recebeu 160 mil turistas estrangeiros e teve taxa média de ocupação hoteleira de 80%
+
Brasil e Argentina se enfrentarão no Estádio Ninho do Pássaro, na capital chinesa
+
Polícia Rodoviária Federal decidiu reforçar a vigilância em rodovias de acesso ao estado do Rio Grande do Sul usadas por torcedores do país
+