Mexicanos e camaroneses chegam juntos e empolgados à Arena das Dunas

13/06/2014 - 11:44
Equipes duelam nesta tarde em partida que encerra a primeira rodada do Grupo A, o mesmo de Brasil e Croácia

Fotos: Paulo Victor Correia/Portal da Copa#

A cidade de Natal amanheceu debaixo de muita chuva, mas nem por isso os torcedores que chegam à Arena das Dunas diminuem a empolgação. Nesta sexta-feira (13.06), às 13h, México e Camarões estreiam na Copa do Mundo FIFA 2014 e receberão um forte calor vindo das arquibancadas.

Na chegada ao estádio, mexicanos e camaroneses demonstram respeito e união entre os povos, além de alegria com os cantos de suas seleções. Há seis dias no Brasil, o casal Alejandro Rivelino e Issui Borras (foto à direita) veio em um cruzeiro que atracou em Recife. Eles dizem estar muito felizes por participarem do maior evento do futebol mundial e não escondem a confiança. “Chegamos muito bem, não passamos nenhum susto nas rodovias. As pessoas no Brasil nos receberam muito bem, estamos muito contentes, apesar da chuva. O Brasil é um amor”, disse Rivelino. Ele garante que no final também haverá comemoração. “O México vai vencer hoje por 3 x 1, dois gols do Chicharito e um do Marquez”, opina.

Sua esposa também falou sobre sua vinda ao país da Copa. “Viemos com um grupo de 500 mexicanos e hoje daremos um grande apoio aos jogadores. Creio que os brasileiros também irão nos apoiar”, diz. A expectativa da imprensa mexicana é de que 10 mil torcedores mexicanos apoiem o time dentro do estádio nesta sexta-feira.

Também cantando canções do seu país, três camaroneses faziam a festa (foto à esquerda). Entre eles estava Laurent Njiki, que está no Brasil há uma semana para dar apoio logístico à delegação dos Leões. “Acredito que estamos preparados física e mentalmente. Eu acho que Camarões está com uma grande moral e deve ganhar hoje de 1 x 0, com gol do Moting. Não é o meu jogador favorito, o Eto’o é o número um, mas quem vai marcar hoje é o Moting”, comenta.

Entre 400 a 500 torcedores do país africano devem estar na arena. “Eu acho que teremos também a torcida dos franceses e canadenses que estão por aqui (e falam francês, a língua de Camarões), e claro, os brasileiros também vão nos ajudar”, disse ainda Laurent.

» Vai assistir ao jogo no estádio? Saiba quais objetos você não pode levar às arenas

» México e Camarões estreiam a Arena das Dunas na Copa

Paulo Victor Correia, do Portal da Copa em Natal

Notícias Relacionadas

Estádio de Natal é o nono dos utilizados durante a Copa a obter o selo
+
Levantamento ouviu mil pessoas, no período de 12 a 25 de junho, e engloba visitantes estrangeiros e nacionais
+
Tradicional estádio cearense já recebeu nove jogos do Brasil, sendo dois amistosos e dois oficiais
+
Marcelo Mourão rodou o Nordeste pintado de verde e destacou a receptividade do povo brasileiro
+