No Bom Dia Ministro desta quarta, Marta Suplicy falará sobre o PAC de Cidades Históricas e Copa do Mundo

03/09/2013 - 14:32
Pasta pretende investir R$ 50 milhões em ações ligadas aos grandes eventos, entre revitalizações, reformas e contratações de apresentações

O programa Bom Dia Ministro desta quarta-feira (4.09) terá como convidada a ministra da Cultura, Marta Suplicy. Em pauta, o investimento de R$ R$ 1,9 bilhão do PAC Cidades Históricas, e as ações programadas pelo Ministério em grandes eventos, como a Copa do Mundo 2014.

A entrevista é produzida e coordenada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, e transmitida ao vivo pela NBR TV e via satélite, das 8h às 9h.

PAC Cidades Históricas

Com um total de R$ 1,6 bilhão em obras de restauração, o que representa acréscimo de R$ 600 milhões em relação à previsão divulgada em janeiro, a presidenta Dilma Rousseff anunciou no último dia 20 a relação das ações que serão contempladas no PAC Cidades Históricas ao longo dos próximos três anos.

Além dos recursos para obras que serão destinados a 44 cidades de 20 estados, outros R$ 300 milhões serão utilizados como linha de crédito para financiamento de restauração e para obras em imóveis privados em áreas tombadas. O desembolso não prevê repasse integral às prefeituras, mas a liberação de recursos na medida em que as obras forem licitadas.

Cultura nos grandes eventos

o valor previsto para investimento pelo Ministério da Cultura em ações em grandes eventos ultrapassa os R$ 50 milhões. São cerca de R$ 19 milhões para o edital Cultura 2014, R$ 17,5 milhões para a revitalização de equipamentos escolhidos pelas cidades-sede, R$ 20 milhões da Petrobrás para museus, R$ 2 milhões em flash mob e R$ 12 milhões para o espaço cultura fan fests, que acontecerão nas cidades-sede. O ministério prevê a contratação de, no mínimo, 1.200 apresentações culturais para o período da Copa do Mundo de 2014 (10 de junho a 15 de julho).

Fonte: planalto.gov.br

Notícias Relacionadas

Cidade hospedou campeões mundiais durante a Copa do Mundo e recebeu legados como Centro de Treinamento e promoção da imagem local
+
Grande demanda teve média de cerca de 260 visitas/dia. Programação vai até 16 de julho
+
Público pode criar versões de sucessos antigos e conhecer os hinos das 32 equipes que iniciaram o Mundial no Brasil
+
Irmãos Alan e Lula Marques registram as obras, o trabalho dos operários e o ambiente dos primeiros jogos disputados na arena de Brasília
+