Nos pênaltis, Itália elimina Inglaterra da Eurocopa e fará semifinal contra a Alemanha

24/06/2012 - 18:30
Partida terminou sem gols no tempo normal e na prorrogação. A outra semifinal vai reunir Portugal x Espanha. Campeão garante vaga na Copa das Confederações de 2013

A última vaga na semifinal da Eurocopa precisou de 120 minutos e nove pênaltis para ser definida a favor da Itália no confronto diante da Inglaterra, em Kiev, na Ucrânia.

Nas penalidades, Balotelli, Pirlo (com direito a cavadinha), Nocerino e Diamanti converteram pela Azzurra. Montolivo chutou para fora, mas os ingleses erraram duas vezes, com Young, no travessão, e Ashley Cole, em cobrança defendida por Buffon.

Com isso, restam quatro equipes no torneio. Na próxima quarta-feira, Portugal x Espanha vão reeditar, em Donetsk, o confronto das oitavas de final da Copa do Mundo da FIFA 2010. Naquela ocasião, os espanhóis levaram a melhor e venceram por 1 x 0, com gol de David Villa. Na quinta-feira, será a vez de Alemanha x Itália, confronto que reúne o peso de sete títulos mundiais, medirem forças em Varsóvia, na Polônia.

O resultado deste domingo acabou sendo um prêmio para a maior iniciativa da Itália, que teve 60% de posse de bola e criou diversas oportunidades em mais de 35 finalizações. De Rossi chegou a acertar a trave do goleiro Hart com três minutos de jogo. O atacante Balotelli recebeu em condições de concluir pelo menos sete vezes. Na maioria das oportunidades, parou na falta de pontaria e na eficiência do zagueiro Terry. A Inglaterra chegou bem menos ao gol do italiano Buffon, que salvou a Itália na primeira etapa após conclusão de Johnson da linha da pequena área.

Na prorrogação, os dois times adotaram uma postura mais cautelosa. Ainda assim, a Itália foi mais efetiva. Diamanti acertou a trave de Hart num chute forte e cruzado, de perna esquerda, do bico da grande área. No segundo tempo, Nocerino chegou a conferir para o gol, de cabeça, um cruzamento de Diamanti, mas foi anotado impedimento.

A Eurocopa está sendo disputada na Polônia e na Ucrânia e reúne 16 equipes, divididas em quatro chaves. As duas melhores de cada grupo se classificaram para as quartas-de-final - a partir daí, a competição segue em partidas eliminatórias. O campeão do torneio conquista vaga na Copa das Confederações da FIFA Brasil 2013. Caso a Espanha, atual campeã mundial e já qualificada para a competição no Brasil,  fique com o título, a vaga pertencerá ao vice-campeão da Eurocopa.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

O ex-zagueiro italiano, Fabio Cannavaro, afirma que joelho alto do lateral colombiano leva a pensar que houve intenção de machucar camisa 10 brasileiro. Fenômeno concorda
+
Federação italiana tenta rever decisão de Prandelli e Celeste exalta raça e inteligência em campo
+
Imigrantes e descendentes veem juntos derrota para o Uruguai no edifício Itália, símbolo da cidade
+
Para técnico da seleção da América Central, primeiro lugar no Grupo D dá confiança para voos mais altos na Copa. Treinador inglês tenta ver algo positivo no adeus prematuro
+