Cafu: “O Brasil deu um tapa de luva de pelica em quem não acreditou que poderíamos fazer uma Copa como essa”

02/07/2014 - 14:35
Capitão do pentacampeonato mundial da Seleção Brasileira participou do III Seminário de Gestão Esportiva FGV-FIFA Master Alumni, no Rio de Janeiro

O capitão do pentacampeonato Cafu elogiou a estrutura construída pelo Brasil para receber a Copa do Mundo. O ex-jogador, que participou de quatro edições do Mundial, disse que o país não fica atrás de nenhum outro na organização da competição.

“Nós não perdemos para a estrutura de lugar nenhum. As estruturas estão fantásticas, desde os campos de treinamento até os gramados de jogos, os estádios. O Brasil realmente deu um tapa de luva de pelica em todo mundo que não acreditou que nós poderíamos fazer uma Copa do Mundo como essa”, afirmou Cafu, lateral-direito da Seleção Brasileira nas Copas de 1994, 1998, 2002 e 2006. Ele participou do III Seminário de Gestão Esportiva FGV-FIFA Master Alumni, nesta quarta-feira (02.07), no Rio de Janeiro.

» Blatter: "Esta Copa, posso dizer, é indiscutivelmente um sucesso"

» Governo estuda maneira de garantir presença de população de baixa renda nos estádios após a Copa

Cafu foi ao estádio em todos os jogos da Seleção neste Mundial e em outras partidas, como Uruguai x Inglaterra e Argentina x Suíça, ambos realizados em São Paulo, e aprova o que tem visto dentro de campo. “Estou indo em todos que tenho oportunidade. Têm sido bons jogos. O nível técnico está muito alto, os jogadores correndo muito até o último minuto".

Como bom brasileiro, Cafu acredita que a Seleção Brasileira estará na final. “Eu tenho muito otimismo sempre, então acho que o Brasil conquistará o hexacampeonato mundial”. O ex-jogador confia numa novidade na decisão. “Acho que no outro lado da chave poderemos ter uma surpresa. A Bélgica tem um time muito bom e pode aparecer".

O Brasil enfrenta a Colômbia, na próxima sexta-feira (04.07), às 17h, em Fortaleza. O vencedor da partida vai jogar contra quem passar do duelo entre França e Alemanha, no mesmo dia, às 13h. No sábado, pelo outro lado da chave, Argentina x Bélgica e Holanda x Costa Rica disputam as outras vagas nas semifinais.

Giuliander Carpes - Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Mundial de futebol quebrou recordes históricos e se tornou o evento mais comentado do ano nas redes sociais em todo o mundo
+
Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Evento “Copa 2014: legados para o Brasil” mostra resultados econômicos, culturais e de infraestrutura
+