Papa Francisco: O futebol deve ser uma escola para construção de uma cultura do encontro

11/06/2014 - 20:56
Papa saldou a presidenta Dilma e falou sobre a importância de se combater o racismo

O papa Francisco divulgou, nesta quarta-feira (11.06), mensagem por ocasião da Copa do Mundo 2014, que se inicia nesta quinta-feira (12.06). O papa saudou a presidenta Dilma Rousseff e falou sobre o enfrentamento de todas as formas de racismo. O religioso ainda destacou a importância do esporte como instrumento de comunicação de valores.

"Para vencer é preciso superar o individualismo, o egoísmo, todas as formas de racismo, de intolerância e de instrumentalização da pessoa humana. Não é só no futebol que ser “fominha” constituiu obstáculo para o bom resultado do time. Quando somos “fominhas” na vida, ignorando as pessoas que nos rodeiam, toda a sociedade fica prejudicada."

O papa espera que, além de festa do esporte, essa Copa possa tornar-se a festa da solidariedade entre os povos. Ele ainda destacou que o esporte não é apenas uma forma de entretenimento, mas, sobretudo, um instrumento para comunicar valores que ajudam na construção de uma sociedade mais pacífica e fraterna.

“Pensemos na lealdade, na perseverança, na amizade, na partilha, na solidariedade. De fato, são muitos os valores e atitudes fomentados pelo futebol que se revelam importante não só no campo mas em todos os aspectos da existência, concretamente na construção da paz. O esporte é escola da paz.”

Fonte: Blog do Planalto

Notícias Relacionadas

Dados divulgados pelo Ministério da Saúde mostram que 97,3% dos casos ocorridos nas arenas foram resolvidos no próprio local
+
Balanço mostra que período do Mundial teve média de cinco pousos ou decolagens por minuto
+
Presidenta e ministros detalharam como investimentos em turismo, segurança, telecomunicações, mobilidade, aeroportos e saúde funcionaram durante o Mundial
+
Presidenta Dilma Rousseff e ministros de Estado detalham resultados da preparação do país para Copa do Mundo
+