Perímetro de segurança do Maracanã não será modificado, segundo o COL

16/06/2013 - 14:28
Segundo representante da entidade, possíveis manifestações são legítimas e esperadas dentro do planejamento operacional

O esquema de segurança para o jogo desta tarde (16.06) no Maracanã, entre México e Itália, não sofrerá modificações para prevenir possíveis protestos. O diretor de Comunicação do Comitê Organizador Local (COL) da Federação Internacional de Futebol (Fifa), Saint-Claire Milesi, ressaltou que a entidade reconhece a legitimidade das manifestações, mas que a segurança no perímetro cabe às forças policiais.

“Na questão dos protestos, a gente reconhece o direito a manifestações. Isso é comum, é esperado, está dentro do planejamento operacional. É um assunto que a Fifa monitora, porque estamos preocupados caso tenha algum impacto em nossa operação dentro do estádio e na chegada do torcedor. É uma questão para as autoridades públicas locais, que trabalham em conjunto com a gente nesse plano de segurança. Nós temos toda a confiança em que eles estão tomando as medidas necessárias e cabíveis para que não tenha impacto para o torcedor e nem para a operação. No caso do Maracanã, o perímetro já está estabelecido e continuará o mesmo”, frisou Saint-Claire, em entrevista nesta manhã.

Fonte: Agência Brasi

Notícias Relacionadas

Estruturas como o Centro Integrado de Comando e Controle Móvel, usado no Mundial, foram empregadas na competição de vela que está sendo realizada no Rio de Janeiro
+
O artilheiro do Mundial com seis gols ainda alcançou a terceira posição com o tento anotado contra o Japão, em enquete promovida pela FIFA
+
Centro Integrado de Comando e Controle regional realizou 1,1 monitoramentos diários e acompanhou 300 atividades essenciais durante os 31 dias do Mundial na capital mineira
+
Profissionais federais e distritais trabalharão juntos em evento que terá 19 chefes de Estado
+