Portugal, Ucrânia e Grécia saem na frente na briga pelas últimas vagas da Europa

15/11/2013 - 20:18
As três seleções venceram em casa nesta sexta-feira e jogarão por empates nos jogos de volta, no próximo dia 20. Islândia e Croácia empataram em 0 x 0

Após os primeiros 90 minutos de jogo na decisão das últimas vagas da Europa para a Copa do Mundo de 2014, Portugal, Ucrânia e Grécia ficaram mais perto de se garantir no Mundial do Brasil. Jogando em casa, as três seleções venceram seus adversários nesta sexta-feira (15.11) e agora podem empatar na partida de volta para confirmar a classificação. No outro jogo disputado nesta sexta, a Islândia ficou no 0 x 0 com a Croácia.

Todas as partidas de volta serão disputadas no próximo dia 20. Após vencer a Suécia por 1 x 0 em Lisboa, Portugal vai até Estocolmo para tentar se segurar. Os ucranianos conseguiram uma boa vantagem em Kiev e, depois de terem derrotado a França por 2 x 0, irão até Paris com o objetivo de ir à sua segunda Copa. A primeira foi em 2006. A Grécia, por sua vez, superou a Romênia por um placar de 3 x 1, em Piraeus, e vai jogar em Bucareste com a meta de garantir sua terceira Copa, a segunda consecutiva.

Em Reykjavik, Islândia e Croácia empataram sem gols e deixaram a disputa em aberto para o jogo de volta, que será em Zagreb. A seleção nórdica tentou pressionar os croatas desde o início do jogo, mas foi prejudicada pela expulsão de Olafur Skulason aos 5 minutos do segundo tempo. A Croácia jogar por vitória simples na partida de volta. Empate com gols é dos islandeses.

O gol solitário de Portugal foi marcado pelo craque Cristiano Ronaldo, atacante do Real Madrid, aos 36 do segundo tempo. Com isso, os portugueses poderão empatar ou perder por um gol de diferença, caso marquem pelo menos um tento fora de casa, para garantir a classificação para a Copa na partida em Solna, na Suécia. 

No confronto entre ucranianos e franceses, o primeiro gol da partida foi marcado por Roman Zozulia, finalizando uma jogada feita por Edmar, brasileiro naturalizado. Para fechar o placar, Andriy Yarmolenko converteu uma cobrança de pênalti aos 82 minutos de partida. Assim, a Ucrânia joga por qualquer empate, derrota por um gol de diferença ou até por dois gols, caso marque na casa do adversário.  

Para os gregos, o principal nome do jogo diante da Romênia foi o atacante Konstatinos Mitroglou: ele marcou dois gols e garantiu a vitória grega. Os romenos balançaram as redes com Bogdan Stancu e o outro gol da Grécia foi assinado por Dimitrios Salpingidis. Na partida de volta, os gregos jogam por qualquer empate ou derrota de um gol de diferença. Os romenos se classificam se fizerem 2 x 0.

Regulamento
A seleção que marcar o maior número de gols nas duas partidas estará classificada. Em caso de empate, vence a equipe que tiver feito o maior número de gols fora de casa. Se ainda assim não for possível determinar um vencedor, o segundo jogo terá uma prorrogação com dois tempos de 15 minutos cada, valendo a regra do gol qualificado para os visitantes. Caso nenhum gol seja marcado durante a prorrogação, a decisão será feita por cobranças alternadas de pênalti.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Jogadores se impressionaram com o carinho dos torcedores na capital no dia 14 de julho de 1998. Dezenas de milhares de pessoas foram às ruas para receber com aplausos os vice-campeões mundiais
+
Tradição é a marca das quatro seleções que disputam a taça. Estádios continuam lotados, mas média de gols do torneio cai após as quartas de final
+
Alemanha chega para quarta semifinal seguida em Copas do Mundo e enfrentará o Brasil. Treinador Joachim Löw destaca equilíbrio no duelo europeu válido pelas quartas de final
+
Gol de cabeça do zagueiro Hummels no primeiro tempo foi o único da partida. Esta é a quarta semifinal seguida da Alemanha
+