Rio Grande do Sul recebe armas não letais para a Copa de 2014

07/05/2013 - 16:43
O investimento é de quase R$ 4 milhões, com recursos do Ministério da Justiça. Equipamentos já estão disponíveis para as corporações do estado

Pedro Revillion/ Palácio Piratini#

A secretaria da Segurança Pública do Rio Grande do Sul entregou, nesta terça-feira (07.05), duzentos e dez kits com armas não letais para a Polícia Civil, Brigada Militar e Superintendência dos Serviços Penitenciários. O investimento é de R$ 3.842.725,25, com recursos do Ministério da Justiça para a Copa do Mundo da FIFA 2014.

Os kits contêm sprays de pimenta com chip de rastreabilidade, granadas de gás lacrimogêneo, de efeito moral e de luz e som, balas de borracha e cartuchos de lançamento de dardos energizados e de emissão de gases. São 175 kits de menor alcance e 35 de longo alcance.

O secretário da Segurança Pública, Airton Michels, explicou que os equipamentos são parte dos R$ 79 milhões que a pasta está recebendo do governo federal em função da Copa. Estes instrumentos estarão disponíveis também após os jogos.

O presidente da Comissão Estadual de Segurança Pública e Defesa Civil para Grandes Eventos (Coesge), delegado Sérgio Henrique da Silva, disse que os equipamentos servirão para situações específicas, como tumultos. "Queremos que eles não sejam necessários, mas se forem, são uma forma de preservar a vida", disse.

Fonte: Secopa/ RS

 

Notícias Relacionadas

Arena é a sétima construída para a Copa do Mundo a ter selo que atesta adoção de medidas sustentáveis na edificação. Capital gaúcha passa a ter dois palcos com registro do Green Building Council
+
Foi movimentado mais de um bilhão de reais na economia do estado, que recebeu 160 mil turistas estrangeiros e teve taxa média de ocupação hoteleira de 80%
+
Aeroportos, segurança pública e atrativos turísticos têm mais de 80% de aprovação entre os profissionais de imprensa
+
Ao todo, 1,6 milhão de passageiros passaram pelos terminais entre 10/6 e 13/7. A cada 10 passageiros que desembarcaram no país, um passou pela capital
+