Rodada desta terça define sete classificados para a Copa e equipes que vão à repescagem

14/10/2013 - 12:23
Seleções se juntarão aos 14 países já qualificados para disputar o Mundial de 2014 no Brasil

A rodada de Eliminatórias desta terça-feira (15.10) marcará a classificação de mais sete países para a Copa do Mundo da FIFA 2014. São quatro seleções na Europa, mais uma da região da América do Norte, América Central e Caribe, além de dois países da América do Sul. Os jogos também vão definir as últimas equipes desses continentes que vão disputar a repescagem e ainda podem continuar sonhando com o Mundial. No continente africano, quatro confrontos foram realizados no fim de semana e a última partida de ida dos play-offs finais também será realizada nesta terça. Confira a situação por confederação:

Europa (UEFA)

Classificam-se diretamente os primeiros colocados de cada um dos nove grupos das Eliminatórias Europeias. Já se garantiram na Copa de 2014 a Bélgica (1º do grupo A), a Itália (1º do grupo B), a Alemanha (1º do grupo C), a Holanda (1º do grupo D) e a Suíça (1º grupo E).

No grupo F, a Rússia tem 21 pontos, três à frente de Portugal. Os russos enfrentam o Azerbaijão na capital do país adversário e os portugueses jogam em casa contra Luxemburgo. Para a Rússia, basta um empate. Para conseguir o primeiro lugar na chave, Portugal deve contar com uma derrota russa e ainda precisa vencer com ampla diferença de gols: o primeiro critério de desempate é o saldo de gols. Neste momento a Rússia tem 15 de saldo, contra 8 dos portugueses.

A Seleção de Bósnia e Herzegovina está empatada com a Grécia no grupo G, ambas com 22 pontos, mas os bósnios lideram a chave por conta do saldo de gols. Gregos jogam em casa nesta terça contra Liechtenstein, enquanto a Bósnia joga com a Lituânia fora.

O grupo H tem a Inglaterra como líder com 19 pontos, um à frente da Ucrânia. Os confrontos decisivos são Inglaterra x Polônia e San Marino x Ucrânia. Por fim, no grupo I, a Espanha tem 17 pontos, três de vantagem em relação à França. Os atuais campeões mundiais enfrentam a Geórgia precisando apenas de um empate. A França joga contra a Finlândia e só se classifica diretamente para a Copa se vencer a partida e assistir a uma derrota dos espanhóis, ainda assim precisando superar o saldo de gols da Espanha.

Repescagem

As partidas desta rodada também vão definir os oito melhores segundos colocados, que disputarão a repescagem europeia em busca de quatro vagas para o Mundial. No grupo A, a Croácia garantiu a segunda posição, assim como a Suécia no grupo C.

Na chave B, ainda têm chances de irem à repescagem Bulgária, Dinamarca, República Tcheca e Armênia. Já no grupo D, Turquia, Romênia e Hungria lutarão pelo segundo lugar. Islândia e Eslovênia brigarão pela vice-liderança do grupo E. No grupo F, o segundo lugar pode ser apenas de Portugal ou Rússia e, no grupo G, os únicos que podem disputar a repescagem são Bósnia e Grécia. Na chave H, além de Inglaterra e Ucrânia, Montenegro alimenta uma chance, que dependeria da combinação de resultados e melhora significativa no saldo de gols. Por fim, no grupo I, o segundo lugar ficará somente entre França e Espanha.

Como oito grupos do torneio classificatório europeu têm seis equipes e um grupo tem apenas cinco, para estipular quais os oito melhores segundos colocados serão eliminados os pontos obtidos nas partidas contra os lanternas dos Grupos A ao H. Dessa forma, será considerado para todos os segundos colocados o mesmo número de jogos. A repescagem será realizada entre 15 e 19 de novembro, em partidas de ida e volta. O sorteio desses duelos será realizado em  21 de outubro.

América do Sul (Conmebol)

No continente em que Argentina e Colômbia já carimbaram o passaporte, dois confrontos prometem bastante emoção na luta pelas últimas duas vagas diretas.  Chile e Equador se enfrentam em Santiago, ambos com 25 pontos. Um empate classifica as duas equipes. Em Montevidéu, o Uruguai, com 22 pontos, enfrenta a Argentina. Além de ganhar a partida em casa, os uruguaios necessitam que haja um vencedor no confronto entre chilenos e equatorianos, para que a quarta vaga seja resolvida no saldo de gols. Quem terminar em quinto disputará, em novembro, a repescagem intercontinental com a Jordânia, em jogos de dia e volta.

América do Norte, América Central e Caribe (Concacaf)

Para se juntar aos já classificados Estados Unidos e Costa Rica, a equipe de Honduras, com 14 pontos, precisa de um empate contra a já eliminada Jamaica. Mas o terceiro posto, que leva à qualificação direta para o Mundial, também é cobiçado pelo México, com 11 pontos. Além de vencer o confronto com a Costa Rica fora de casa, os mexicanos devem torcer para uma derrota de Honduras, e ainda precisam ter melhor saldo de gols.

A Seleção que terminar em quarto vai jogar a repescagem intercontinental contra Nova Zelândia em novembro. Na briga por essa vaga, entra também o Panamá, com 8 pontos. Para isso, panamenhos devem vencer os Estados Unidos, contar com uma derrota do México e ter melhor saldo de gols.

África (Caf)

No continente africano, dez países disputam cinco vagas em jogos de ida e volta, no formato mata-mata, que tiveram início no fim de semana. Jogando em casa, Burkina Faso derrotou a Argélia por 3 x 2 no sábado, e abriu vantagem. Costa do Marfim também venceu jogando com o apoio da torcida e fez 3 x 1 no Senegal. A Etiópia perdeu em casa para a Nigéria no domingo por 2 x 1, o que deixa as Super Águias com a possibilidade de se classificar somente com um empate. Já o jogo entre Tunísia e Camarões não saiu do 0 x 0. A última partida de ida será disputada nesta terça entre Gana e Egito.

Os jogos de volta das Eliminatórias da África serão realizados entre os dias 16 e 19 de novembro. Nigéria x Etiópia e Senegal x Costa do Marfim são os confrontos marcados para o dia 16. No dia seguinte, Camarões e Tunísia decidem a vaga, enquanto no dia 19 a Argélia recebe Burkina Faso e o Egito enfrenta Gana, no Cairo.

Países já classificados

Além do Brasil (sede), já estão classificados para a Copa as seleções de Japão, Coreia do Sul, Irã, Austrália – qualificadas pelas eliminatórias asiáticas -, as europeias Itália, Holanda, Bélgica, Alemanha e Suíça, além de Estados Unidos e Costa Rica pela Concacaf e Argentina e Colômbia na América do Sul.

Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Aeroportos, segurança pública e atrativos turísticos têm mais de 80% de aprovação entre os profissionais de imprensa
+
Ao todo, 1,6 milhão de passageiros passaram pelos terminais entre 10/6 e 13/7. A cada 10 passageiros que desembarcaram no país, um passou pela capital
+
Principais emissores de turistas foram Argentina, Chile, Colômbia e Estados Unidos
+