Rússia empata com o Azerbaijão e confirma classificação para 2014

15/10/2013 - 15:50
Com sete vitórias e uma igualdade em dez jogos, equipe vence o Grupo F e garante participação no Mundial do Brasil
Treinada pelo técnico italiano Fabio Capello, a equipe da Rússia fez uma campanha convincente nas eliminatórias europeias e carimbou, nesta terça-feira, a vaga para o Mundial de 2014, no Brasil. 
 
Décima quinta colocada no ranking da FIFA de setembro de 2013, a Rússia sacramentou a conquista com um empate em 1 x 1 com o Azerbaijão. A partida foi disputada na Bakcell Arena, em Baku, no Azerbaijão. 
 
O gol russo foi marcado pelo volante Shirokov, capitão da equipe, aos 15 minutos do primeiro tempo. Ele recebeu passe de Samedov e, na saída do goleiro Agayev, conferiu e abriu o placar . A equipe da casa ficou com um a menos na metade da segunda etapa mas, mesmo assim, chegou à igualdade aos 43 minutos, com Javadov. Ele aproveitou cruzamento da direita de Shukurov e conferiu de cabeça.  
 
Com o resultado, a Rússia chegou a 22 pontos, um à frente de Portugal, segundo colocado no Grupo F da Europa e classificado para a repescagem. Foram 20 gols marcados e cinco sofridos na campanha. As duas derrotas ocorreram fora de casa e pelo placar mínimo: 1 x 0 para Portugal, em Lisboa, e 1 x 0 para a Irlanda do Norte, em Belfast. 
 
 

Currículo

Historicamente, esta será a décima participação da Rússia na Copa do Mundo, levando em consideração também o período em que disputou o torneio como União Soviética. O melhor resultado foi conquistado em 1966, com um quarto lugar no torneio vencido pela Inglaterra. Na ocasião, a equipe do lendário goleiro Lev Yashin foi derrotada na semifinal pela Alemanha. 
 
No futebol internacional, as principais conquistas da equipe são a Eurocopa de 1960 e os Jogos Olímpicos de 1956 e 1988. Este último sobre a Seleção Brasileira, em Seul. 
 
Portal da Copa

Notícias Relacionadas

Dilma Rousseff ainda convidou os turistas para que retornem para os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro
+
Jogo terminou em 1 x 1, levando os africanos para as oitavas pela primeira vez
+
Pico de participação do público foi registrado no dia da partida entre Brasil 0 x 0 México, em 17 de junho, quando 438 mil torcedores compareceram aos locais de transmissão dos jogos
+