Secopa de Pernambuco divulga calendário de eventos no estádio de Recife até a Copa das Confederações

15/03/2013 - 10:35
Primeiro jogo de futebol de equipes profissionais na nova arena será no dia 22 de maio, com a presença do Náutico

Já estão definidas as datas em que a bola vai rolar na Arena Pernambuco no período de testes para a Copa das Confederações da FIFA Brasil 2013. Nos dias 14 e 22 de maio, serão realizados os primeiros jogos de futebol no estádio multiuso que está sendo construído em São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife. O calendário foi divulgado pela Secretaria Extraordinária da Copa de 2014 em Pernambuco (SECOPA-PE) em uma coletiva de imprensa realizada na tarde desta quinta-feira (14), quando falta exatamente um mês para a entrega da arena.

A primeira partida de futebol na Arena Pernambuco acontecerá na tarde do dia 14 de maio, uma terça-feira, e consistirá num jogo entre os operários do canteiro de obras do estádio. “Um mês depois da abertura dos portões da arena, teremos o primeiro jogo de futebol, que envolverá os operários da obra. É uma homenagem aos milhares de trabalhadores que, com seu esforço e dedicação, foram essenciais para conseguirmos antecipar a entrega da obra em oito meses. Os convidados para esse jogo serão os familiares dos operários, então a expectativa é de um público de 10 a 15 mil pessoas. Com isso, já será possível testar estacionamento, acessos, bares, segurança, entre outras áreas”, ressaltou o Secretário Extraordinário da Copa de 2014 em Pernambuco, Ricardo Leitão.

Foto: Thais Lima/Secopa - PE#

No dia 22 de maio, uma quarta-feira, a Arena Pernambuco receberá o seu primeiro jogo de futebol envolvendo times profissionais. Nessa data, o Náutico entrará em campo para enfrentar um adversário ainda a ser definido. “Será um jogo oficial, se o Náutico avançar de fase na Copa do Brasil, ou um amistoso, com adversário a ser definido. Por ter sido o primeiro time de Pernambuco a assinar o contrato para realizar os seus jogos na arena, nada mais justo do que o Náutico ser a primeira equipe profissional a jogar no novo estádio”, afirmou Leitão.

Para esse jogo, a capacidade máxima do público será de 30 mil torcedores. Essa partida será acompanhada pela FIFA e pelo COL (Comitê Organizador Local), mas não será organizado pelas duas instituições. “Elas vão apoiar a sua realização, acompanhando os preparativos e auxiliando no planejamento. Mas o jogo será organizado pela cidade-sede e tem como objetivo testar a capacidade dos equipamentos do estádio. Como será um jogo noturno, vai ser um teste importante para o sistema de iluminação da arena. E, se for um jogo da Copa do Brasil, haverá a transmissão pela televisão, o que será outro importante teste para as instalações de imprensa e a rede de telecomunicações”, afirmou Leitão, que estava acompanhado, na coletiva de imprensa, do Secretário de Esportes e da Copa do Mundo no Recife, George Braga; e do Diretor-presidente do Consórcio Arena Pernambuco, Marcos Lessa.

Entrega da arena
Na manhã do domingo, dia 14 de abril,será realizado um ato solene de entrega da Arena Pernambuco. A solenidade contará com a presença do Governador de Pernambuco, Eduardo Campos, que irá percorrer com os profissionais de imprensa as diversas instalações do estádio, como vestiários, camarotes, cabines de imprensa, entre outras. Após essa data, a população poderá conhecer a arena através de visitas guiadas que deverão ser agendadas previamente.

» Confira infográfico com os principais eventos-teste dos estádios da Copa das Confederações

Observação: Caso o Náutico seja eliminado na primeira fase da Copa do Brasil, a partida do dia 22 de maio na Arena Pernambuco será um amistoso

Fonte: Secopa - PE

Notícias Relacionadas

Tarifa é de R$ 2,15 e os usuários que desejarem experimentar o novo modal poderão utilizar o Vale Eletrônico Metropolitano (VEM)
+
Espaços oferecem entretenimento, local para descanso, informações turísticas, internet wifi e outras comodidades para os viajantes. No Santos Dumont, 26,8 mil pessoas aproveitaram a estrutura oferecida
+
Estádios da Copa 2014 são pioneiros na busca de certificação ambiental internacional
+
Capital pernambucana foi considerada boa ou ótima por 82,3% dos visitantes que estiveram na cidade durante o período de jogos da Copa do Mundo
+