Secretaria de Aviação Civil prepara plano de operação para a Copa do Mundo

19/03/2014 - 13:26
Manual com o planejamento e as ações do setor para o Mundial será lançado em 31 de março. Usadas na Jornada Mundial da Juventude, as Fun Zones serão novamente montadas para o megaevento de futebol

A Secretaria de Aviação Civil irá lançar no dia 31 de março o “Manual de Planejamento do Setor de Aviação Civil para a Copa”. O documento foi elaborado em parceria com todos os órgãos integrantes da Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero) e demais entidades responsáveis pelo evento. O objetivo é proporcionar mais qualidade ao serviço prestado aos passageiros.

O manual é resultado do planejamento realizado pela Conaero, que já teve as experiências recentes da Rio+20, Copa das Confederações de 2013 e Jornada Mundial da Juventude. Além de indicar as ações necessárias ao atendimento da demanda de passageiros gerada pelo evento, algumas ações específicas para o atendimento do público diferenciado que participará do Mundial (comitiva da FIFA, chefes de Estado, delegações das seleções e mídia) estão listadas.

Além dos 15 aeroportos que irão sediar os jogos, serão mais 66 unidades aeroportuárias, inclusive regionais, disponíveis para atender ao evento. Dentro de cada aeroporto foram criadas vagas temporárias para estacionamento de aeronaves, em um total de 1.100 vagas extras, além de bases militares que também darão suporte, caso seja necessário.

Experiência

Como na Copa das Confederações, o plano operacional mapeou toda a estrutura dos terminais e todo o processo de movimentação de passageiros, desde a parada da aeronave até a saída do aeroporto.

Além disso, nos Centros de Gerenciamento Aeroportuário (CGA), que já existem nos aeroportos, estarão presentes as companhias ou departamentos que trabalham com trânsito local, para facilitar a locomoção do passageiro na cidade até o aeroporto.

Fun Zone

Serão implantadas nos aeroportos as chamadas Fun Zone, também utilizada na Jornada Mundial da Juventude, que é uma área de acolhimento para o passageiro que poderá aguardar, neste local, o horário de seu voo.

No espaço, o passageiro tem acesso à internet, ar condicionado, televisão, sofás, banheiro, lanchonetes e totens de autoatendimento, que melhorará a operação dentro do aeroporto.

Integração

Com a experiência já adotada durante outros eventos, será ativada a Sala de Comando e Controle Central, que irá funcionar dentro das instalações do Centro de Gerenciamento da Navegação Aérea (CGNA), no Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), localizado no Rio de Janeiro.

Na Sala de Comando e Controle Central, representantes dos órgãos públicos integrantes da Conaero, além dos operadores aeroportuários, e representantes de diversos setores envolvidos com o Mundial, estarão trabalhando integrados, fazendo um acompanhamento das operações aeroportuárias em todo país, além de viabilizar uma rápida tomada de decisão por todos os envolvidos.

Fonte: SAC

Notícias Relacionadas

Mundial de futebol quebrou recordes históricos e se tornou o evento mais comentado do ano nas redes sociais em todo o mundo
+
Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Evento “Copa 2014: legados para o Brasil” mostra resultados econômicos, culturais e de infraestrutura
+