Torcida de Manaus apoia Croácia em vitória contra Camarões

19/06/2014 - 01:36
Europeus venceram africanos na Arena Amazônia e enfrentam o México pela classificação

Agnaldo Oliveira Júnior/ Portal da Copa#

A vitória da Croácia por 4 x 0 sobre Camarões, nesta quarta-feira (18.06) teve o apoio de boa parte das arquibancadas. O pequeno Marcelo Souza, de nove anos, por exemplo, fez um cartaz em casa para receber a seleção croata e vestiu a camisa do time que escolheu para torcer. “Gostei do jogo deles. Quando soube que eles viriam para Manaus resolvi que torceria para a Croácia”, disse Marcelo. O pai, também Marcelo, apoiou a decisão e aderiu à torcida. “Pai vibra com o filho. E foi me pegando pelo coração que estou aqui com ele na torcida pela Croácia”, comentou Marcelo.

O casal Antônio e Karmela Kljucevic acreditavam num jogo difícil. “Camarões tem um time unido, forte. Não vai ser fácil”, acreditava Antônio. Com a história do jogo definida em favor da Croácia, a torcida amazonense fez a festa com a Ola, gritando olé para o time Croata e ovacionando cada substituição dos dois times. Na zona mista, o brasileiro naturalizado croata Eduardo Silva, que entrou no segundo tempo, falou que gostaria de jogar com a camisa canarinho, mas que estava feliz de disputar uma Copa no Brasil. “Eles me deram a chance e eu aproveitei”, disse Eduardo.

Coletivas

Visivelmente abatido, Volker Finke, técnico de Camarões disse que é difícil analisar o que houve logo após a partida.  “Desculpe pelo meu rosto. Alguma coisa aconteceu depois daquele cartão vermelho. O nosso comportamento não foi bom. Estou muito triste. Foi como ver Portugal e Alemanha. Pedimos desculpas pelo resultado, mas temos que ir adiante”, afirmou Finke.

Escolhido como melhor da partida, Mário Mandzukic foi rápido, respondeu a uma pergunta. “Eu tinha fome de gols. Estou me sentindo bem preparado e muito feliz com essa vitória. Nós queríamos ganhar e os gols ocorreram como recompensa”, disse Mário.

Para o técnico da Croácia o resultado da partida revelou o trabalho que vem sendo feito pela equipe técnica. “Eles fizeram um ótimo trabalho. Tínhamos jogadores bem preparados, apesar ter nos ter faltado oxigênio, em alguns momentos. Nós conseguimos realizar o que combinamos antes do jogo. Com certeza ainda temos muito aprender. Minha equipe mostrou que queria jogar bem. Eu acredito na nossa equipe. Nós sabemos o que nos espera contra o México”, declarou Niko Kovac.

Agnaldo Oliveira Júnior, do Portal da Copa em Manaus

Notícias Relacionadas

Jogos na Arena da Amazônia foram vistos por mais de 240 milhões de pessoas
+
A atuação de Messi na final da Copa do Mundo não agradou os torcedores, mas craque foi aplaudido quando apareceu no telão após a derrota para a Alemanha
+
Torcedores das duas equipes elogiam clima de festa que permeou a Copa do Mundo no Brasil
+
É a terceira final do torneio entre as duas equipes. Segundo Mundial realizado no Brasil é marcado por chuva de gols, viradas e jogos decididos nos minutos finais
+