Voluntariado é poder fazer parte de um grande time, diz Bernardinho

05/07/2013 - 11:17
Para o técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, o voluntário exerce papel fundamental no sucesso de grandes eventos esportivos

Ivo Lima/ ME#Bernardinho é exemplo indiscutível quando o assunto é liderança e disciplina no esporte. No comando da seleção brasileira de vôlei masculino desde 2001, é o principal responsável pelas conquistas da modalidade. A consciência de que o coletivo trará bons resultados está na soma de títulos que acumula: ouro olímpico em Atenas (2004), prata em Pequim (2008) e Londres (2012), além de três títulos mundiais (2002, 2006 e 2010) e oito títulos na Liga Mundial, apenas para citar os mais recentes.

“A disciplina é a construção de uma ponte entre onde você está e o seu sonho”, declara. Seja como jogador ou técnico, Bernardinho afirma que não teria alcançado o sucesso sem um importante trabalho em equipe. “Todo prêmio individual tem participação coletiva. Ganha-se e perde-se como um time sempre”, diz.

Eleito o melhor treinador da Super Liga Feminina em 2007 e 2008, e pelo Comitê Olímpico Brasileiro por quatro anos consecutivos o melhor treinador do país, Bernardinho falou ao Portal Brasil Voluntário:

Qual a importância do trabalho em equipe para o voluntário?

Para o jovem, o voluntariado é a oportunidade de fazer parte de um grande time que tem uma única meta: o sucesso do evento que ele participa. Já para a pessoa de mais idade que quer participar, esta é a oportunidade também de contribuir com a experiência adquirida. Então, todas essas pessoas, das mais jovens às mais idosas, trabalhando juntas em busca de um objetivo, geram um grande resultado. O voluntariado em grandes eventos é mais um importante exercício na formação das pessoas como jogadoras de equipe. Isto é importante até para o futuro do nosso país.

Qual a sua opinião sobre o programa de voluntariado para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014?

Este é um projeto importantíssimo por ser um programa que trabalha algo que ainda não é forte na cultura brasileira. A cultura do voluntariado ainda é algo muito incipiente no Brasil. A importância também vai além dos eventos esportivos que iremos sediar, mas é importante para qualquer evento que o Brasil venha a receber no futuro. Acredito que podemos dar o pontapé inicial com o sucesso deste programa.

Para você, qual o principal papel do voluntário?

Nos grandes eventos esportivos no mundo o voluntário é uma peça muito importante e nós temos que criar esta cultura no Brasil, ajudando na preparação do voluntariado e no entendimento de qual o papel que ele tem, pois não é uma pessoa que pode aparecer apenas quando dá vontade, mas é alguém com uma responsabilidade muito grande e um papel muito importante no sucesso desses grandes eventos. O voluntariado é fundamental e a experiência prática demonstra isso.

Como o voluntário pode contribuir no sucesso de um grande evento?

É importante que seja gerada a força e interesse nas pessoas que querem dispor de seu tempo. É necessário somar e contribuir. O voluntário pode contribuir com seu tempo, com sua expertise, com a atenção dada alguém. O importante é reconhecer a responsabilidade assumida. Cada um de nós tem um papel fundamental.

E como foi a sua experiência com o voluntariado nas competições fora do Brasil?

A minha experiência foi das mais incríveis, como nos jogos Pan-Americanos em Winnipeg, Canadá, em 1999. Em uma cidade de pouco mais de 600 mil pessoas, cerca de 60% da população exerce algum tipo de trabalho voluntário ou faz parte do programa de voluntariado para grandes eventos. Então tínhamos, por exemplo, pessoas da terceira idade que dirigiam ônibus no nosso transporte e pessoas servindo-nos nos bandejões nos refeitórios dos jogos, ou seja, pessoas que estavam trabalhando e fazendo daqueles jogos um evento de grande sucesso. Temos que estabelecer esta cultura no Brasil.

Fonte: Brasil Voluntário

Notícias Relacionadas

Capital do Mato Grosso contou com a atuação de 357 voluntários, em locais como aeroporto, rodoviária, Arena Cultural, entorno da Arena Pantanal, FIFA Fan Fest e Centro Aberto de Mídia
+
Voluntários do governo federal aprovam experiência no Mundial; objetivo agora é aproveitar a vivência adquirida em novos projetos e na busca por oportunidades no mercado de trabalho
+
Certificação digital estará disponível na plataforma de agendamento; voluntários do governo federal serão comunicados por email
+
Voluntários do governo federal falam sobre a oportunidade de atuar no auxílio a torcedores e visitantes e relatam as emoções vividas durante o Mundial
+