Voluntários vestem a camisa de BH durante a Copa

09/07/2014 - 18:10
Atuação em pontos estratégicos garante o bom atendimento aos visitantes que passam pela capital mineira durante o Mundial

Flávia Carvalho/PBH#A voluntária Lucilene orienta os torcedores na entrada da Fan FestEnquanto os torcedores se vestem com as cores das bandeiras de suas seleções para assistir aos jogos da Copa do Mundo, Rosilene Azevedo se prepara para receber o público que chega ao Belo Horizonte FIFA Fan Fest. Ela é uma das participantes do programa de voluntariado coordenado pela Prefeitura de Belo Horizonte, em parceria com o Ministério do Esporte.

A belo-horizontina resolveu doar um pouco do seu tempo, trabalho e talento para participar da organização do Mundial. “Estou participando pela segunda vez em eventos desse porte. Já fiz atendimento aos turistas na Copa das Confederações em 2013 e agora dou continuidade a essa atividade que acho muito gratificante,” explicou.

Rosilene fica no foyer de entrada do Expominas para orientar os torcedores sobre a estrutura do evento, como localização dos banheiros, bares e restaurante. Entre as vantagens de atuar como voluntária, ela destaca a oportunidade de melhorar a comunicação em outras línguas. “É bom para praticar os idiomas que estudo e colaborar para o sucesso da Copa no Brasil”, disse. A voluntária Joyce de Oliveira concorda. “Escolhi a Fan Fest pelo fluxo de pessoas que passam por aqui, inclusive estrangeiros. Quero aperfeiçoar o meu inglês”.

Para Lucilene Fátima Rodrigues, que atua como professora primária, participar como voluntária foi uma oportunidade para oferecer os conhecimentos que têm sobre a cidade e o evento aos visitantes de outros estados e países e, também, buscar informações deles sobre seus lugares de origem para levar à sala de aula. “Resolvi participar para aproveitar a troca de culturas e levar para meus alunos. Esta sendo um grande aprendizado”.  

Já Maria Inês, que também ajuda no segundo palco oficial da Copa em BH, busca representar o Brasil da melhor forma possível. “Fico feliz em poder contribuir para um evento desse porte em Belo Horizonte”, ressaltou. Aproximadamente 60 voluntários se dividem em três turnos de trabalho no centro de exposições e realizam atividades como atendimento ao público e suporte para os jornalistas credenciados no Centro Aberto de Mídia.

Voluntariado em BH durante a Copa
No total, cerca de 500 voluntários auxiliam os turistas com informações sobre a cidade no aeroporto de Confins, na rodoviária, na Savassi, na Fan Fest e no entorno do Mineirão em dias de jogos. Eles receberam uniformes personalizados, alimentação e auxílio transporte correspondente ao período de atuação.

Fonte: SMCOPA/Prefeitura de Belo Horizonte

Notícias Relacionadas

Mundial de futebol quebrou recordes históricos e se tornou o evento mais comentado do ano nas redes sociais em todo o mundo
+
Secretário executivo do Ministério do Esporte afirma que o aprendizado adquirido com o Mundial dará melhores condições para o Brasil enfrentar os desafios da preparação do maior evento esportivo do planeta
+
Evento “Copa 2014: legados para o Brasil” mostra resultados econômicos, culturais e de infraestrutura
+