Mar, dunas e sol

Um dos litorais mais famosos e mais procurados por brasileiros, e por um número cada vez maior de estrangeiros, a costa do Rio Grande do Norte faz uma esquina no Atlântico, no alto do Brasil, e oferece aos visitantes paisagens deslumbrantes, banhadas por águas claras e mornas, onde é comum, durante os períodos de maré baixa, relaxar em uma piscina natural formada pela água do mar.

A capital do estado, Natal, reúne praias belíssimas, dunas e rica cultura. A cidade tem esse nome porque, no dia 25 de dezembro de 1597, o Almirante Antônio da Costa Valente e seus homens adentraram a barra do Rio Potengi, depois de várias tentativas de colonização frustradas. Tal data tornou-se o aniversário da capital. No período da invasão holandesa (entre 1633 e 1654), foram feitas várias benfeitorias na região. Mais tarde, na Segunda Guerra Mundial, a cidade serviu como base do patrulhamento do Atlântico Sul, principalmente por parte dos americanos, o que lhe proporcionou grande crescimento. Com o fortalecimento de sua economia e do turismo, a cidade passou a exibir uma das melhores qualidades de vida e estrutura urbana do Nordeste brasileiro.

Quem tiver a sorte de aproveitar os quatro jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014 na capital potiguar corre o risco de esquecer do futebol e se deixar levar para destinos imperdíveis, como a praia da Pipa, a pouco mais de 50 quilômetros ao sul, onde é possível avistar golfinhos e aproveitar as grandes ondas que atraíram os surfistas para o local ainda na década de 1970.

Cerca de 40 quilômetros à frente, mais um espetáculo aguarda o visitante: a Baía Formosa encanta com sua formação de falésias e dunas brancas. O local ainda não foi completamente descoberto, por isso preserva partes quase intocadas.

Maior produtor de sal do Brasil, o Rio Grande Norte encanta os turistas com dunas altas e incrivelmente brancas, que ajudam a marcar o contraste deslumbrante entre o azul do céu e o verde do mar. Além dos mais de 400 quilômetros de praias e paisagens que encantam os visitantes, o Rio Grande do Norte conta com boa infraestrutura hoteleira e de serviços.

Foto: Portal da Copa/ME#

Festas Populares

Como nem só de praia vive o estado, o turista que chega ao Rio Grande do Norte em junho vai aproveitar os grandes arraiais no sertão e mesmo nas praias. Em São Miguel do Gostoso, por exemplo, fica um dos mais conhecidos no Estado. Outro São João muito procurado pelos turistas brasileiros e pelos potiguares fica em Extremoz, no litoral Norte (próximo a Genipabu). Em janeiro, a festa de navegantes também atrai milhares para assistir à procissão no mar e participar dos shows e apresentações de grupos típicos.

Principais pontos turísticos

Praia da Ponta Negra (foto acima)
A 12 km do centro da cidade, é uma das mais conhecidas de Natal. Lá fica o Morro do Careca, uma duna com 100 metros de altura, paisagem muito conhecida. A praia é movimentada durante o final de semana, reunindo natalenses e turistas, principalmente nas piscinas naturais que se formam durante a maré baixa, ideais para famílias com crianças. É também a praia com melhor estrutura turística, concentrando grande número de barracas, restaurantes, pousadas e lojas.

Igreja Matriz Nossa Senhora da Apresentação - Antiga Catedral
Endereço: Praça André de Albuquerque – Cidade Alta – Centro Antigo

Igreja do Rosário Nossa Senhora dos Pretos
Localizada no Centro (Corredor Cultural) Endereço: Largo do Rosário s/n. Igreja do Galo Abriga o Convento Santo Antônio e o Museu de Arte Sacra. Endereço: Rua Santo Antônio, 683 – Cidade Alta – Natal/RN Fone: +55 (84) 3211-4236

Fortaleza dos Reis Magos (foto acima)
A Fortaleza da Barra do Rio Grande foi a primeira edificação da cidade de Natal. Sua construção teve início em 6 de janeiro de 1598, Dia de Reis, origem do nome. Sua localização, na foz do Rio Potengi, foi estratégica por oferecer uma visão ampla do mar e evitar invasões de piratas que chegavam à costa para roubar pau-brasil. A vista é uma das mais belas da capital.
Endereço: Final da praia do Meio
Site: http://turismo.natal.rn.gov.br/
Funcionamento: diariamente, das 8h às 16h30
Preço: R$ 3

Parque das Dunas
Grande complexo verde em meio à área urbana de Natal, seus 1.172 hectares reúnem o Bosque dos Namorados - que conta com parques para crianças, observação de primatas (saguis) e laboratório com plantas e insetos típicos da região - e as dunas em si.
Endereço: Av. Alexandrino de Alencar, s/no - Tirol
Site: www.parquedasdunas.rn.gov.br/
Funcionamento: as trilhas podem ser feitas de terça a domingo e também aos feriados às 8h, 8h15 e 8h30, e na parte da tarde a partir das 14h, 14h15 e 14h
Preço: a entrada no Bosque dos Namorados custa R$ 1, para todos os visitantes. Para quem prefere visitar o parque e fazer a trilha, o valor é R$ 2.

Centro Municipal de Artesanato
Para quem procura produtos típicos ou lembranças, o local é o mais indicado pela variedade de produtos e pela localização, na Praia do Meio. Além das lojas de artesanato – que comercializam as tradicionais estátuas de cerâmica, cestarias de palha trançada, além de peças esculpidas em pedra e madeira –, o centro possui barracas de alimentação padronizadas, onde é possível experimentar petiscos locais, como a tapioca com variados recheios.
Endereço: Avenida Beira Mar da Praia do Meio
Site: http://turismo.natal.rn.gov.br/
Funcionamento: diariamente, das 8h às 22h

Parque Ecológico Dunas de Genipabu (foto acima)
Genipabu é famosa por suas belas dunas e pelas opções de conhecê-las, em passeios de bugue, dromedário e jegue. A maior parte delas está concentrada no Parque Turístico Ecológico Dunas de Genipabu, do qual fazem parte uma Área de Preservação Ambiental, uma praia, uma lagoa e as dunas, que são móveis (mudam com a ação dos ventos). O parque está localizado no município de Extremoz, a 16 km da capital potiguar.
Funcionamento: os passeios devem ser agendados previamente com agências turísticas ou guias credenciados.
Preços: A combinar.

Pontos turísticos de Natal

Pontos turísticos de Natal

População: 803.739 habitantes
Altitude: 45 m
Área: 167.160 km2
Código de área: (84)
Tensão elétrica: 220 V
Clima: Tropical úmido.
Temperatura: média de 28 °C
Vegetação: Manguezais, florestas subperenifólias e tabuleiros litorâneos

Feriados locais
6 de janeiro: Dia dos Reis Magos
21 de novembro: Dia de Nossa Senhora da Apresentação

Telefones Úteis

» Polícia Militar: 190
» Bombeiros: 191
» Atendimento Médico de Urgência: 192
» Denúncia Exploração Sexual Infanto-Juvenil – 100
» Delegacia do Turista - 3232-7404
» Polícia Rodoviária Federal - 191 e 4009-1550

Centro de atendimento ao turista
(84) 3232-2519

Posto para câmbio
As agências de turismo, os shoppings e o aeroporto oferecem casas de câmbio.

Fonte: Ministério da Turismo

Centro Aberto de Mídia – Natal

Local: UFRN - Laboratório de Comunicação Social e Superintendência de Comunicação
Funcionamento: 10 de maio a 26 de junho, das 8h às 22h
Contatos: +55 84 3215-3564 // presspoint@comunica.ufrn.br // www.presspoint.ufrn.br